Como é morar em uma casa inteligente?



Estamos vendo e ouvindo muitas notícias na mídia sobre automação residencial, casa inteligente, casa conectada e muitas outras formas que temos para falar da casa do futuro que está cada vez mais presente nos nossos lares. Mas como é morar em uma casa inteligente? Vem conosco que vamos mostrar!


Consideremos uma casa pronta para receber automação, com instalações bem projetadas e executadas. Começamos a automatizar os itens básicos: iluminação, áudio e vídeo. Mas será que somente isso já é suficiente para ter uma casa inteligente? A resposta é não, e vou explicar o porquê.


Quando temos automação da iluminação, áudio e vídeo, sem ser redundante, temos apenas, nesse nível, uma casa automatizada, o que já é um grande e primeiro passo para ter uma casa inteligente. Com a automação residencial você tem o controle total da casa: liga, desliga e dimeriza lâmpadas pelo celular; coloca os controles da tv, home theater, receiver, ar condicionado tudo no app; controla o som ambiente da sua casa e conecta o seu spotify; sem falar da criação de cenas e acionamentos programados. Tudo isso é lindo, maravilhoso e funciona super bem, no entanto ainda é necessário que alguém pense nas cenas e acione as lâmpadas. O que quero dizer é que esse sistema não é capaz de mudar o seu status quo uma vez programado.



A casa inteligente traz exatamente essa possibilidade. Com o desenvolvimento do IoT (Internet das Coisas), da inteligência artificial e de sensores pode-se criar um sistema inteligente que é capaz de pensar e aprender a rotina dos seus usuários e executar novas tarefas que ainda não lhe tinham sido programadas. Assim a casa inteligente começa a otimizar tarefas facilitando a vida dos usuários dentro e fora de casa.


Imagine você sai de casa e não sabe se fechou a janela do quarto, com um sensor de Janela (exclusividade Domus), você verifica se fechou ou não a janela podendo fechá-la remotamente. Isso é uma casa automatizada!


Agora com a casa inteligente o sistema é capaz de acompanhar a previsão do tempo e lembrá-lo pela manhã de fechar a janela, ou o sistema pode, ao detectar chuva por meio dos sensores fechar a janela automaticamente. Tudo é feito sem a sua intervenção, a casa inteligente pensa para você.


Gostou, acompanhe nossos post do Blog e se quiser ter a experiência da casa automatizada e casa inteligente entre em contato conosco.


https://www.domusautomacaoresidencial.com/blogdeautomacaoresidencialdf



Sobre o autor:

Marcus Vinicius, Eng. Eletricista formado na UnB com graduação sanduíche na Lakehead University - Canadá. Diretor Executivo na Domus Automação Residencial e especialista em automação residencial.

50 visualizações

Entre em contato conosco.

Vamos conversar sobre automação residencial,

Contato

SIG Qd. 6 Ed. Office 300 Sl. 317 - Sudoeste - Brasília DF

Atendimento

Segunda a sexta das 8h às 18h

Sábado das 8h às 12h

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Facebook

Powered by Domus Automação 2020